Familiares de homem suspeito de apagar imagens do Caso Beatriz discutem com Lucinha Mota

8 de outubro de 2019 at 12:16 1 comentário

Familiares de Alinsson Henrique Carvalho, suspeito de apagar imagens da noite do assassinado da menina Beatriz Angélica Mota, bateram boca com Lucinha Mota, mãe da menina. A confusão ocorreu há pouco, na porta da Câmara de Petrolina.

Familiares de Beatriz Angélica Mota, assassinada no Colégio Auxiliadora, em dezembro de 2015, estão no local para tentar confrontar Wank Medrado, advogado do suspeito de apagar as imagens. Wank participa da sessão para falar sobre o seu cliente. Outras informações nas próximas horas.

Por

Carlos Britto

Entry filed under: Geral.

Elementos armados invadem igreja e assaltam fiéis Caso Beatriz: “Quem mandou apagar as câmeras? Foi a freira?” dispara Lucinha; veja o vídeo

1 Comentário Add your own

  • 1. Marta  |  9 de outubro de 2019 às 22:42

    Uma vergonha que a família da vítima precise passar por esse constrangimento … A Câmara deveria se envergonhar e arranjar uma ocupação, defender o povo ao invés de dar espaço para suspeitos/indiciados ocuparem espaço e terem voz…

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Instagram

Não foram encontradas imagens do Instagram.