Bolsonaro diz que pode aceitar dinheiro do G7 se Macron pedir desculpa

27 de agosto de 2019 at 09:34 Deixe um comentário

.
Foto: Arquivo Pessoal/Instagram
Foto: Arquivo Pessoal/Instagram

 

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse que pode aceitar o dinheiro oferecido pelo G7 se o presidente francês, Emmanuel Macron, o pedir desculpas. A informação é do site Metrópoles.

Bolsonaro e Macron trocam rusgas desde a última semana. Na segunda, o presidente da Franca chegou a chamar o chefe do Executivo brasileiro de mentiroso em relação à política ambiental brasileira.

“Primeiramente, o senhor Macron deve retirar os insultos que fez à minha pessoa. Depois, informações que eu tive, de que nossa soberania está em aberto na Amazônia. Então, realmente, para conversar ou aceitar qualquer coisa da França, que seja das melhores intenções possíveis, vai ter que retirar essas palavras e daí a gente pode conversar”, afirmou Bolsonaro, na manhã desta terça-feira (27).

O presidente se recusou a comentar as perguntas sobre a ironia feita sobre a imagem da primeira-dama francesa, Brigitte Macron. “Eu não botei aquela foto. Alguém botou a foto lá e eu falei para ele não falar besteira”.

“Não queiram levar para esse lado que a questão pessoal e familiar eu não me meto. O que eu falei era para o cara não entrar nessa área, o meu comentário foi para não insistir nesse tipo de assunto”, disse o presidente.

Entry filed under: Geral.

Univasf divulga 10º Remanejamento do Sisu 2019 HRJ DIVULGA OS APROVADOS PARA AGENTE ADMINISTRATIVO, CADASTRO DE RESERVA

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed