Anúncios

COMUNIDADES DO SALITRE COMEMORAM A CHEGADA DO ABASTECIMENTO PELO SISTEMA DO PROGRAMA ‘ÁGUA DOCE’

8 de dezembro de 2018 at 09:25 Leave a comment

As comunidades de Manoel Patrício, Cruz e Pateiro no distrito do Junco, Salitre, receberam ontem (07) um sistema de abastecimento do Programa Água Doce (PAD) parceria do Governo do Estado através da Companhia de Engenharia Rural da Bahia (CERB) e Governo Municipal por meio do Serviço de Água e Saneamento Ambiental – SAAE/Juazeiro.  O Sistema foi mais uma ação do Programa Toda Sexta Tem Obra e vai beneficiar cerca de 20 famílias das três localidades e um rebanho de mais de 600 animais.

O diretor do SAAE Joaquim Neto, que representou o prefeito Paulo Bomfim, destacou a importância da obra, principalmente nos períodos de estiagem. “Não tenho dúvida que esta é uma obra estruturante e que torna as comunidades independentes no que diz respeito ao abastecimento de água, dando mais qualidade de vida através de água para o consumo humano,  a dessedentação animal, as pequenas plantações e ainda a criação de peixes. Um grande programa que vamos levar também a outras comunidades”, informou.

Para o engenheiro civil da CERB Ronaldo Rodrigues, o Programa Água Doce veio para minimizar o sofrimento de quem mora no semiárido. “Com este sistema estamos atingindo o nosso objetivo que é o de trazer água potável para quem sofre com a escassez. Uma parceria que fortalece estas regiões mais carentes com um sistema completo, fácil de operar e de grande importância para estas comunidades”, reforçou.

Já o vereador Aguinaldo Meira, enalteceu o trabalho do SAAE que, de acordo com ele, tem feito a diferença no interior do município. “Essa é uma grande vitória para o povo destas comunidades que passam a ter água tratada deixando a dependência do carro pipa. O prefeito Paulo Bomfim e o diretor do SAAE Joaquim Neto assumiram o compromisso de levar água a todo o interior e isso está sendo concretizado”, afirmou o vereador.

Morador da comunidade de Pateiro, Ismael Carlos disse conhecer bem o sofrimento de viver sem água. “Que bom que o governo, através do SAAE, está colocando este sistema em funcionamento. Para os que moram nestas comunidades este é um grande beneficio, pois só sabe o valor da água quem já viveu sem ela”, pontuou.

Natural da comunidade de Cruz II, a dona de casa Veraldina Eduarda, agradeceu a chegada da água, mas cobrou melhor assistência para o sistema. “Água boa, melhor do que a do carro pipa, mas é preciso que dêem maior atenção ao sistema e quando parar de funcionar a equipe venha logo consertar. Para nós que vivemos esperando um caminhão de água da operação pipa, uma água desta para beber é um grande beneficio que agradecemos e esperamos que continue funcionando”, cobrou a moradora.

O Programa Água Doce é composto de um poço que joga a água para três reservatórios destinada para o dessalinizador que faz todo o processo de tratamento deixando a água pronta para o consumo humano. Além disso, a água bruta restante serve para saciar a sede dos animais e para a plantação de forrageiras. O rejeito, ou seja, a água não tratada que sai do sistema é despejada em um tanque onde os moradores podem criar peixes melhorando a renda e a alimentação da comunidade.

Antônio Pedro/André Calixto (estagiário) Ascom/SAAE

Anúncios

Entry filed under: Geral.

Prefeitos da região norte da BA acompanham obra de construção de Policlínica Regional em Juazeiro; unidade tem previsão de ser concluída no primeiro semestre de 2019 ACIDENTE COM VÍTIMA FATAL EM PETROLINA-PE

Deixe uma resposta

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed