Anúncios

Padrasto é preso após dar socos no rosto da enteada

31 31UTC agosto 31UTC 2018 at 16:35 Leave a comment

O caso ocorreu na noite dessa quinta-feira (30/8) em Sobradinho II. A própria vítima chamou a Polícia Militar

vc-polc3adcia-1 (1)

Mais um homem foi preso por agressão doméstica no Distrito Federal. Desta vez, o padrasto de 34 anos acabou atrás das grades após agredir a socos a enteada, que tem 16. O caso ocorreu por volta das 23h dessa quinta-feira (30/8) em Sobradinho II.

A própria vítima chamou a Polícia Militar, por meio do telefone 190. Quando chegaram no endereço, os policiais encontraram a jovem com lesões na boca e na cabeça. Questionada, ela apontou o padrasto como agressor. Ele recebeu voz de prisão e foi levado para a 13ª DP (Sobradinho), onde acabou autuado em flagrante pela Lei Maria da Penha.

No domingo (26), um homem de 39 anos foi preso no Recanto das Emas depois de agredir a filha. A vítima, uma adolescente de 17 anos, ficou desacordada e precisou ser hospitalizada.

A Polícia Militar foi acionada e, quando chegou à casa onde a família mora, se deparou com o agressor. O homem assumiu ter discutido com sua filha e, na sequência, disse ter “perdido e cabeça” e batido na jovem.

Ao entrarem na residência, os policiais encontraram a moça desacordada. O Corpo de Bombeiros foi chamado e, depois dos primeiros atendimentos, levou a adolescente para o Hospital Regional de Taguatinga (HRT).

Acompanhado da filha de 19 anos, que presenciou as agressões, o pai foi levado para a 27ª Delegacia de Polícia (Recanto das Emas). Autuado em flagrante, responderá pelo crime previsto na Lei Maria da Penha, de violência doméstica.

No Varjão, na quarta-feira (29), um adolescente de 13 anos foi apreendido após agredir e ameaçar a mãe de morte com uma arma na noite dessa terça-feira (28/8), no Varjão. De acordo com a Polícia Militar, foi a segunda vez, em 2018, que a mulher se tornou vítima do próprio filho. Em fevereiro, ele a ameaçou com uma faca.

Aos policiais, a mulher afirmou que o filho a jurou de morte. Os PMs entraram na residência e apreenderam três munições de calibre .22 e uma garrucha de cano duplo sem numeração.

O menor foi detido e levado para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA). Ele acabou autuado por atos infracionais análogos aos crimes de posse de arma de fogo e de ameaça.

Fonte AP

Anúncios

Entry filed under: Geral.

Allan Jones realiza várias indicações de serviços e obras para os bairros Maringá e São Geraldo em Juazeiro Vereador, Domingão da Aliança, destaca importância de se discutir a prevenção do suicídio me Juazeiro

Deixe uma resposta

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed