Anúncios

Juazeiro: Audiência sobre Prevenção do Suicídio vai gerar núcleo para atender pessoas vulneráveis

29 de agosto de 2018 at 17:55 Leave a comment

A Câmara de Juazeiro realizou na noite desta terça (28), logo após a Sessão Ordinária uma Audiência Pública com o tema: “Setembro Amarelo –  Estímulo à Prevenção do Suicídio”. O autor da proposição, Aníbal Araújo destacou a importância da sociedade e poderes públicos nesta importante discussão. A reunião contou ainda com a participação da Banda Musical Fênix do Colégio Estadual Pedro Raimundo Rego.

“Discutimos e aprendemos mais sobre a questão do suicídio tanto da prevenção como da pósvenção, que é o cuidado com os familiares das pessoas que cometem suicídio. É um problema em que vemos o índice de mortalidade muito alto”, ressaltou Aníbal.

Vereador Anibal justifica convocação da audiência

O parlamentar defendeu que o diálogo sobre o tema pode ajudar a diminuir os números de vidas perdidas. “As pessoas às vezes têm medo do tema, mas temos que debater e discutir para que vidas não sejam ceifadas. A razão dessa audiência é que nós vereadores nos preocupamos com este grande índice de mortalidade e algo deve ser feito e assim nós fizemos”, destacou.

“Fomos provocados pelos pastores e pela sociedade civil. Vamos fazer um relatório e vamos encaminhá-lo para o prefeito, Paulo Bomfim, para a Secretária de Saúde e a Câmara de Vereadores para que se forme um núcleo que atenda pessoas vulneráveis que estão passando por alguns transtornos que podem levar ao suicídio e é isso que não queremos”, concluiu Aníbal.

Eliana Siczu deu uma aula sobre prevenção e cuidados com pessoas vulneráveis

Os outros palestrantes destacaram em seus respectivos discursos a importância do diálogo, da família, entidades religiosas, de ações do poder público para que realmente haja uma mobilização em prol da valorização da vida.

Mesa da audiência sobre prevenção ao suicidio

Mesa

O presidente da Mesa, Allan Jones; a secretária, Tia Célia; o proponente, Aníbal Araújo; o vereador, Domingão da Aliança; o pastor da Igreja Avivamento Bíblico, Emanuel Messias; professora de psicologia da Univasf, Silvia Moraes; o pastor da igreja Yerushalaim, Teobaldo Pedro de Jesus; a psicanalista, Eliana Sicsu; o bispo Claudio da Igreja Episcopal, o pastor do Ministério Plenitude, Jean Lima.

Fonte AP

Anúncios

Entry filed under: Geral.

Polêmica: Vereador Florêncio diz que oposição de Juazeiro só pensa na ‘babinha’ “Kit gay”: Livro mostrado por Bolsonaro no Jornal Nacional nunca foi distribuído em escolas

Deixe uma resposta

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed