Anúncios

Paralisação dos Caminhoneiros: Aeroporto de Petrolina(PE) já está sem combustível

27 de maio de 2018 at 13:30 Leave a comment

Segundo matéria publicada no Estadão, pelo menos 14 aeroportos brasileiros estão sem combustível, entre eles o aeroporto Senador Nilo Coelho, da vizinha cidade de Petrolina. A informação foi divulgada pela Infraero, na manhã deste domingo (27).

A greve dos caminhoneiros chega ao sétimo dia e ainda provoca transtornos às empresas e aos passageiros. Os dados foram atualizados às 7h30 da manhã e dão conta de que estão parados os aeroportos de Carajás (PA), São José dos Campos (SP), Uberlândia (MG), Ilhéus (BA), Goiânia (GO), Campina Grande (PB), Juazeiro do Norte (CE), Recife (PE), Maceió (AL), Aracaju (SE), Vitória (ES), Petrolina (PE), Joinville (SC) e João Pessoa (PB).

A Infraero informou também que continua monitorando o abastecimento de querosene de aviação por parte dos fornecedores que atuam nos terminais. A empresa alertou aos operadores de aeronaves que avaliem seus planejamentos de voos para que cada um possa definir sua melhor estratégia de abastecimento de acordo com o estoque disponível nos terminais de origem e destino. A instituição está em contato com órgãos públicos relacionados ao setor aéreo para garantir a chegada dos caminhões com combustível de aviação aos aeroportos administrados pela empresa.

Os aeroportos estão abertos e têm condições de receber pousos e decolagens. Nos terminais em que o abastecimento está indisponível no momento, as aeronaves que chegarem só poderão decolar se tiverem combustível suficiente para a próxima etapa do voo.

“Aos passageiros, a Infraero recomenda que procurem suas companhias para consultar a situação de seus voos. Aos operadores de aeronaves, a empresa orienta que planejem seus voos de acordo com a disponibilidade de combustível na rota pretendida”, ressaltou a nota.

Da Redação com informações Estadão
Anúncios

Entry filed under: Geral.

Suíça confisca empresa de fachada ‘símbolo’ da Operação Lava Jato no país Casa Nova se une na homenagem ao Padre Aluisio

Deixe uma resposta

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed