Casa Nova se une na homenagem ao Padre Aluisio

27 de maio de 2018 at 14:00 Deixe um comentário

 

Não houve diferenças partidárias e as críticas foram deixadas de lado momentaneamente. Eram quase todos os vereadores, inúmeras representações de comunidades do interior de Casa Nova, fiéis de todas as igrejas da cidade, uma multidão com o mesmo propósito: prestar homenagem ao Padre Aloisio Alves Borges, que depois de 16 anos, foi transferido de cidade e entregar-lhe o título de cidadão casanovense, uma iniciativa do Vereador Paulo Sérgio, aprovada por unanimidade na Câmara de Vereadores.

O Presidente Paulo Sérgio, relembrando as caminhadas quando da chegada do padre Aloisio a Casa Nova; o vereador Helber de Né, católico, prestando homenagem emocionada; Dagmar Nogueira, discursou relembrando seu período de prefeita e sua amizade, as vezes estremecida e o compromisso do padre com os mais desfavorecidos; o vereador Alex, falando de Santana e do quanto a população do Distrito respeita o padre; o vereador Neto, o vereador Uilian, com um discurso de despedida emocionante. Foram assim os pronunciamentos, sem que se notasse diferenças políticas.

O prefeito Wilker Torres, que ao dirigir-se ao Bispo Dom Beto, disse que Casa Nova só estava “emprestando” o Padre à Paróquia de Remanso: “Vamos querer o padre Aloisio de volta”, não deixou de registrar o momento de dificuldades do País e de quanto faz falta a disposição para o enfrentamento às injustiças uma pessoa como o Padre Aloisio. Wilker, em primeira mão, falou sobre o tema da Festa do Interior, que será uma referência, lembrança e homenagem aos 80 anos da revolta de Pau da Colher e terminou solicitando apoio à Igreja Católica no resgate a esta parte da história de “luta e resistência” do povo de Casa Nova.

O Bispo de Juazeiro, Carlos Alberto Breis Pereira,  Dom Beto, falou do  que vê nas comunidades “nestes dois anos à frente da Diocese vi o sentimento de carinho pelo Padre em todas as comunidades do interior de Casa Nova”; falou da importância destes “novos desafios para o padre, depois de dezesseis anos” e concluiu dizendo que “não haveria melhor momento para a despedida que nesta data da Festa das Comunidades,  com Roda de São Gonçalo, uma das maiores manifestações culturais da região”.

Padre Aloisio, ao agradecer aos vereadores, chorou e fez chorar ao falar das dificuldades, das vitórias, das inúmeras lutas nestes dezesseis anos de sacerdócio na paróquia de Casa, “dois anos depois de ordenado”.

“Quantas vezes não dormi e quantas vezes fiquei doente”, disse relembrando as lutas da Camaragibe e outras em defesa dos mais miseráveis – “Quantas vezes a amizade foi confundida na época de política”; “quantas vezes foi necessário até me esconder diante das ameaças”.

A Roda de São Gonçalo, continuou após a entrega do título de cidadão casanovense ao padre Aloisio Alves Borges.

Além do prefeito Wilker Torres e da Primeira Dama, estiveram presentes à sessão solene, realizada no pátio da Casa da Retiro, conhecida como Chácara dos Padres, onde anualmente se realizada o Encontro das Comunidades o Delegado da Polícia Civil, Clériston Jambeiro, todos os vereadores, secretários, lideranças políticas, os padres da paróquia e o Padre Josemar, pároco da Catedral  de Juazeiro e o Bispo da Diocese, Dom Beto.   

Anúncios

Entry filed under: Geral.

Paralisação dos Caminhoneiros: Aeroporto de Petrolina(PE) já está sem combustível HOMICÍDIO AGORA NA RUA 65 DO SÃO GONÇALO ARMA BRANCA

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed