Anúncios

SEMINÁRIO EM JUAZEIRO-BA DEBATEU OS DESAFIOS DA CLASSE TRABALHADORA PARA 2018

23 23UTC Março 23UTC 2018 at 19:45 Leave a comment

“Os desafios da classe trabalhadora para 2018”, esse foi o tema debatido no Seminário Regional da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), realizado na manhã desta sexta-feira (23), no Auditório da Câmara de Vereadores de Juazeiro-BA. O encontro reuniu cerca de 300 trabalhadores e trabalhadoras, urbanos e rurais, que debateram e tiraram dúvidas a respeito da precarização do trabalho assalariado e dos prejuízos que as medidas do governo Temer trouxeram para a população.

O debate foi conduzido pelo presidente nacional da CTB, Adilson Araújo.  Segundo o presidente da CTB, o governo tem tomado uma série de medidas que prejudica a classe trabalhadora, retirando direitos previstos na Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), congelando os investimentos públicos em saúde e educação, com a PEC 55, aprovando a reforma trabalhista e a terceirização.

Ainda de acordo com Adilson Araújo, “os desafios do movimento sindical é justamente fazer uma leitura desse processo, avaliando como vamos conseguir sobreviver, diante da tamanha alteração no curso da vida política do país. Tentam pôr fim a contribuição sindical e isso nada mais é do que uma resposta de um ranço conservador que depõe contra os interesses do nosso povo e contra qualquer perspectiva de retomar o seu caminho e saídas para o desenvolvimento econômico”, afirmou o presidente nacional da CTB.

O vereador Agnaldo Meira (PCdoB), participou do debate e destacou a importância da do seminário para os trabalhadores e trabalhadoras da região. “Esse debate, aqui em Juazeiro, foi proposto no momento certo, porque em nosso país, existe uma afronta a classe trabalhadora e querem tirar os direitos conquistados há décadas e objetiva também fortalecer a classe trabalhadora do Brasil, na luta pelos direitos conquistados e no avanço por novas conquistas”, explicou Meira.

A trabalhadora rural Jovita Pereira, também esteve presente ao debate e mobilizou outros agricultores familiares, que atuam na horta orgânica do bairro João Paulo II, em Juazeiro, a participarem do Seminário Regional. “É importante que todos os trabalhadores participem desses eventos e valorizem as ações dos sindicatos, pois são eles que tem dado força para a luta pelos nossos direitos”, destacou Jovita.

“O nosso papel é estar mais forte e firme na luta e deixar a população atenta sobre os desafios para 2018, não só na área trabalhista, como também, na conscientização das pessoas na escolha dos nossos futuros representantes”, pontuou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Juazeiro (STRJ), Emerson José da Silva (Mitú).

O GOLPE DO CAPITAL CONTRA O TRABALHO: Ainda durante o Seminário regional, foi realizado o lançamento do livro “O golpe do capital sobre contra o trabalho, do jornalista e assessor da CTB, Umberto Martins.

O livro discute sobre os efeitos das medidas do governo Temer para a classe trabalhadora e a forma como se deu o processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff. “O golpe travestido de impeachment, pensado sem motivação, instalou um governo golpista, que tem como proposito claro de atender os interesses dos grandes empresários em confronto com a classe trabalhadora”, explicou o jornalista.

O seminário regional “Os desafios da classe trabalhadora para 2018”, promovido pela CTB, também contou com a presença do deputado estadual Zó, entidades sindicais urbanas e rurais, federações e associação de moradores da região.

Ascom Vereador Agnaldo Meira Fotos Joselito Tavares
Anúncios

Entry filed under: Geral.

Adolescente é estuprada e esfaqueada em Juazeiro Petrolina PE – A filha desferiu golpes de faca peixeira no próprio pai, fato ocorrido no Residencial Monsenhor Bernardino

Deixe uma resposta

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed